domingo, 22 de abril de 2012

SONHO!


Uma destas noites tive um sonho, um sonho mau, péssimo para ser mais preciso.

Sonhei que num qualquer município deste país, como em muitos outros uma escola foi desativada, esteve ao abandono uma data de tempo, passou a ser frequentada por uma ninhada de víboras, gangues e drogas incluídos.

Entretanto do município nem uma palavra nem um ato, ninguém disposto a acabar com o flagelo de um edifício construído para o ensino, para a educação, pago com os impostos do povo…

Um grupo jovem local resolve dar uso au dito imóvel, teatro, ginástica, dança, musica entretinimento variado, e ajuda aos miúdos nos trabalhos de casa, disponibilidade de muitos, todos com empenho e a título gratuito…

SÓ PODE SER UM SONHO…

No entanto não despertei, mesmo que este sonho e a realidade fossem completamente incompatíveis, a sena continuou, mas agora as coisas começaram a azedar, “porque carga de água isto estava acorrer tão bem”.

Os senhores da autarquia local em vez de apoiarem tão extraordinária iniciativa resolveram exigir uma renda mensal, e tiveram como resposta um redondo não, quem não se sente não é filho de boa gente, e os jovens estavam só a fazer um tremendo esforço disponibilizando o seu tempo em proveito do próximo, não faz sentido nenhum pagar para ajudar.

Infelizmente não foi este o entendimento do vereador da cultura local, resolveu intervir e expulsar a malta à bastonada, levando presos como criminosos os que tentaram persuadi-lo de tal ato, injusto QB aliás.

Com esta barbaridade no meu sonho acordei sobressaltado, uns instantes depois caí na realidade… “é pá és mesmo parvo” então isso é coisa que se sonhe, se houvesse algo de real nesta porcaria de sonho, o vereador da cultura local disponibilizava logo uma hora do seu tempo diário, para ajudar, tal como ponha ao dispor dos jovens o seu motorista e respetiva viatura património da autarquia, tal como uma tarde ao fim de semana, e quando preciso os seu assessores lá estariam, para o que fosse preciso, jovens destes e com esta boa vontade têm que ser ajudados… “ e claro deitei a cabeça, aconcheguei-a na almofada e tentei adormecer era afinal ainda madrugada.

Não foi capaz de dormir descansado, poucos segundos depois lá estava o drama de novo, polícias municipais, PSP,GNR, e até os bombeiros sapadores, quem sabe cães policias, eu sei lá o exército…

Todos juntos todos pagos pelos nossos impostos desbarataram o grupo de jovens destruíram o interior da escola e todo o que lá existia para apoio nas atividades, prenderam alguns e…

Quem seria o inteligente que ordenou este despejo, trinta € mensais era quanto queria arrecadar com o imóvel, trinta! Que exorbitância, quantos trinta € gastou a disponibilizar todo o aparato de despejo?

Volto a despertar, mas desta vez com uma tremenda dor de pinha, que raio de noite será que estou a ficar maluco, ou haverá algo de real neste país democrático, poucas décadas pós vinte e cinco de abril…

SERÁ QUE…

Não, não pode ser, agora estou a imaginar coisas mesmo acordado, não! Não quero acreditar que estes Srs. têm algum interesse que o ninho de bívoras continue ativo, que se continue a comercializar drogas, que ali se continuem a encontrar as quadrilhas locais, e quem sabe outras que se deslocam propositadamente para as devidas atividades, quem sabe estes Srs. não têm interesses diversos, quem sabe!

Espero que esta noite tenha sido só uma noite complicada, que este sonho não passe disso mesmo um sonho!

Caso contrário, meus caros estamos mesmo a “caminho do abismo"  

terça-feira, 17 de abril de 2012

E ésta!

Os paizinhos querem esconder as máquinas, bom eles descobrem maneiras de ludibriar a situação!
por estas e por outras é que estamos no "caminho do abismo"

terça-feira, 3 de abril de 2012

Pra onde vai com tanta pressa...

video
Lá vai ele, bem rápido, com uma pintura adequada..
Com  pressa que leva deve estar a seguir "o caminho do abismo"